VINHOS

O Douro é agreste e distinto, um trono de rios e uma pátria de castas. Tal é o sussurro que ecoa entre as videiras enraizadas nos geios, patamares talhados por Deuses e
tornados perfeitos por homens. Irrepreensível na sua singularidade, o Douro alterna cenários de aridez e rio, escarpas graníticas e murais de xisto, cepas antigas e
vinhas novas, arrebatando quem nele habita e fazendo enamorar perdidamente quem o vê pela primeira vez.

Do enlace entre gerações de uma família oriunda do Vale do Tua, gentes orgulhosas do seu chão rude, nasce a excelência dos Vinhos Vale da Corça.
Um ciclo repetido de suor no xisto áspero, confiante na sucessão entre calor e frio e temperado de chuva em tempo certo. A cultura da Vinha do Douro vive-se
em 12 meses onde se confia na incerteza, à espera de um Setembro generoso.

Amor, paixão, arrebatamento, encantamento e serenidade agreste. Estas são algumas das emoções que se experienciam quando se olha o Douro.
A família Sequeira Mesquita é embaixadora desta terra de contrastes, que brinda quem os visita com a paixão que nutre pela cultura das gentes do Douro
e pelas suas paisagens distintas. Do amor à terra e às castas durienses, teimosas e resilientes, nascem Os Vinhos Vale da Corça.